Brasil faz últimos jogos no Mundial de Duplas Mistas

Marcelo e Aline conversam no Mundial (Divulgação)

Se existia uma partida que o Brasil poderia vencer nesta edição do Mundial de Curling de Duplas Mistas era contra a Eslovênia. Os dois times, que não haviam vencido ninguém, se enfrentaram na madrugada desta terça-feira em Sochi, na Rússia para ver quem ficava isolado na lanterna do Grupo B. Infelizmente, sobrou para Marcelo Mello e Aline Gonçalves.

Brasileiros e eslovenos realizaram uma partida equilibrada. No final do quarto end o placar registrava 2 a 2, tamanho o equilíbrio. No quinto end o Brasil abriu dois pontos, tomou a virada no sexto e sétimo períodos, mas conseguiu garantir o empate de 6 a 6 no último end, levando para a prorrogação. Lá, a Eslovênia aproveitou o martelo e conseguiu três pontos que definiram a partida em 9 a 6. 

Ainda na terça, a dupla nacional tentou a recuperação contra a Letônia, mas também não obteve êxito. Após tomar quatro pontos nos dois primeiros ends, Marcelo e Aline reagiram e fizeram três pontos no terceiro período. Entretanto, até o sétimo end, os letões conseguiram mais seis pontos e venceram por 10 a 4. 

Ainda sem vencer no Mundial de Curling de Duplas Mistas, o Brasil ocupa a última posição do Grupo B, com seis derrotas. Austrália, na chave A, e Bielorrússia, no C, também não venceram na edição deste ano da competição. 

Nesta quarta-feira a dupla brasileira faz seu antepenúltimo jogo no Mundial. O adversário será a Finlândia, que venceu quatro partidas e perdeu duas. A rodada está marcada para acontecer às 6h30 no horário de Brasília. Na quinta-feira, os dois últimos jogos, contra Itália e Noruega. Vai ser difícil repetir o desempenho do ano passado e conseguir, pelo menos, um triunfo.  

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.