Firme e forte

Josi Santos segue firme na disputa do esqui aerials (Reprodução)

Exatamente um ano após o acidente de Lais Souza, sua companheira de esqui aerials voltou a uma competição internacional para manter viva a chama que ambas acenderam na temporada passada. Josi Santos competiu na etapa da Copa do Mundo da modalidade em Lake Placid, nos EUA.

A brasileira esteve presente na primeira das duas provas de aerials no local. Conseguiu a nota de 39.56 pontos em um salto com dificuldade 2.050 - dentro da média da atleta. Entretanto, ela ficou na 26ª e última posição da disputa. A bielorrussa Aliaksandra Ramanouskaya ficou com o ouro ao conquistar 80.62 pontos. Veronika Korsunova, da Rússia, ficou com a prata e a canadense Melissa Corbo foi bronze. 

Na segunda prova de esqui aerials feminino, Josi não participou - apenas as 22 melhores atletas da prova anterior participaram da competição. Em uma disputa onde as favoritas ficaram no meio do caminho, a australiana Renee McElduff venceu com 84.42 pontos. Korsunova levou a segunda prata do fim de semana com 83.47 e Hanna Huskova, da Bielorrússia, completou o pódio. 

A liderança do ranking é de Kiley McKinnon, dos EUA, que contou com duas provas abaixo da média da chinesa Mengtao Xu para ultrapassá-la. Agora, ela tem 267 contra 249 da rival. 

Entre os homens, o norte-americano Mac Bohonnon fez a alegria da torcida local ao desbancar os chineses e vencer a primeira prova com 126.24 pontos no seu salto, à frente de Hang Zhou, da China, que marcou 125.34 - seu compatriota Guangpu Qi foi o terceiro com 123.53. 

Na segunda competição de esqui aerials masculino, Hang Zhou deu a volta por cima e ficou com o ouro após conquistar 126.70 pontos na sua apresentação. Qi garantiu a dobradinha chinesa com 121.27 e o russo Ilya Burov foi o terceiro com 120.81. 

Com duas provas no pódio, Guangpu Qi segue isolado na liderança do ranking da Copa do Mundo de esqui aerials. Ele tem 440 pontos, contra 323 do compatriota Hang Zhou. Apesar do ouro, Mac Bohonnon caiu para a terceira posição, com 311. 

Moguls

Park City também recebeu a disputa da Copa do Mundo de Esqui Livre Moguls, na quinta-feira. O canadense Mikael Kingsbury venceu entre os homens com 90.54 pontos na sua descida. O russo Alexandr Smyshlyaev ficou com a prata após marcar 87.97 e o também canadense Marc-Antoine Gagnon completou o pódio com 87.69. 

Entre as mulheres, Justine Dufour-Lapointe, do Canadá, venceu o duelo particular contra a norte-americana Hannah Kearney. A primeira fez 86.86 pontos e ficou com o ouro, enquanto que a segunda teve 86.43 e ficou com a prata - a canadense Andi Naude foi bronze com 76.51. 

Dessa forma, a liderança do ranking feminino da Copa do Mundo de Moguls segue apertada. Dufour-Lapointe segue na liderança, com 385 pontos, enquanto que Kearney está na segunda posição, com 326. Entre os homens, Kingsbury é líder isolado com 449 pontos, bem longe do compatriota Phillip Marquis, segundo com 225.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.