Disputa acirrada

As etapas das Copas do Mundo de Combinado Nórdico e Esqui Saltos prosseguiram neste fim de semana e seguem com competições acirradas, principalmente entre os atletas da Áustria e Alemanha. Os dois países disputam ponto a ponto a supremacia nos dois esportes. Confira os resultados:

Combinado Nórdico

Bernhard Gruber, da Áustria, foi o nome do Combinado Nórdico (NordicFocus)

Os homens participaram de três provas em Val di Fiemme, na Itália, em uma montanha HS 134. O grande nome do fim de semana foi o austríaco Bernhard Gruber, dono de um ouro e uma prata nas duas disputas individuais. 

Na primeira, ele venceu com 29min13seg9 nos 10km do cross-country, ficando à frente dos noruegueses Jan Schmid, prata, e Jörgen Graabak, bronze. Na segunda prova, o austríaco ficou com a prata, quatro segundos atrás de Graabak, outro com 25min58seg7 - Fabian Riessle, da Alemanha, completou o pódio. Na disputa por equipes 2x7,5km, a Noruega venceu com 34min36seg3, deixando a Alemanha com a prata e a Áustria com bronze. 

O bom desempenho colocou Bernhard Gruber na vice-liderança do ranking da Copa do Mundo de Combinado Nórdico com 620 pontos. Ele, porém, segue atrás do alemão Eric Frenzel, primeiro colocado com 861. Os atletas, agora, se preparam para o Mundial de esqui nórdico, no fim de fevereiro. A Copa do Mundo retorna apenas em março. 

Esqui Saltos

Carina Vogt segue na cola da líder Iraschko-Stolz (Divulgação/FIS)

A polarização Áustria-Alemanha segue no esqui saltos, principalmente na disputa feminina. As mulheres participaram de duas provas na montanha HS 94 em Hinzenbach, na Áustria. 

Na primeira delas, a austríaca Daniel Iraschko-Stolz venceu com 251.4 pontos, seis à frente da alemã Carine Vogt, medalhista de prata. A japonesa Sara Takanashi ficou com bronze. Na segunda, porém, houve uma inversão. Vogt conquistou o ouro com 245.2 pontos, apenas 0.4 à frente de Iraschko-Stolz. A eslovena Spela Rogelj completou o pódio com 235.

Assim, a disputa pela liderança do ranking da Copa do Mundo feminina de esqui saltos segue intensa. A competidora austríaca tem 622 pontos contra 568 da alemã. O próximo capítulo desta batalha é em Rasnov, na Romênia, no próximo fim de semana. 

Já os homens estiveram na montanha HS 145 em Willingen, na Alemanha. Severin Freund, atleta da casa, fez a festa da torcida com um ótimo desempenho nas duas provas individuais. O alemão foi bronze na primeira disputa, com 261.8 pontos, atrás do polonês Kamil Stoch, ouro com 276.6, e do esloveno Peter Prevc, prata com 262.3. 

Depois, ele conquistou o ouro com 270.3 pontos, deixando o norueguês Rune Velta com a prata e o tcheco Roman Koudelka com o bronze. Na disputa por equipe, Freund ainda conduziu a Alemanha à segunda posição - a Eslovênia foi a primeira colocada com 957.9 pontos e a Noruega completou o pódio.

Porém, nem mesmo o bom desempenho fez com que Severin Freund aparecesse no TOP 3 do ranking masculino da Copa do Mundo de esqui saltos. A liderança ainda é do jovem Stefan Kraft, da Áustria, com 1083 pontos. Peter Prevc encostou de vez com 1054 e Koudelka é o terceiro, com 916. Os homens seguem na Alemanha para a próxima etapa na montanha de Titisee-Neustadt no próximo fim de semana.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.