No limite

Prova de Sprint em técnica clássica (NordicFocus)

Após consagrar a Noruega no Tour de Ski, a Copa do Mundo de Cross Country voltou a sua rotina normal de competições neste fim de semana, em Otepää, na Estônia. E as provas exigiram velocidade máxima dos competições. 

No sábado, os atletas participaram da primeira prova de sprint em técnica clássica e os atletas noruegueses seguiram imbatíveis. Entre as mulheres, Ingvild Östberg venceu a bateria final, deixando a sueca Stina Nilsson com a prata e sua compatriota Celine Brun-Lie com o bronze. 

No masculino, Thomas Northug levou a melhor e viu o também norueguês Ola Hattestad garantir dobradinha para o país escandinavo. Toni Ketelae, da Finlândia, ficou com a medalha de bronze. 

No dia seguinte, aconteceu a prova de sprint por equipes em técnica livre e, dessa vez, não deu para a Noruega. No feminino, a Suécia ficou na primeira posição com 16min11seg13, oito décimos à frente da Noruega. A equipe polonesa garantiu o bronze. 

Entre os homens, a vitória foi da Rússia, que fez o percurso em 19min39seg10, apenas quatro décimos à frente da Noruega. A equipe italiana ficou na terceira posição, com 19min52seg05. 

A próxima etapa da Copa do Mundo de Cross-Country acontece entre os dias 23 e 25 de janeiro, em Rybinsk, na Rússia. A norueguesa Marit Bjoergen segue na liderança do ranking feminino, com 1588 pontos. Martin Sundby também segue imbatível entre os homens, com 1189. 

Copa do Mundo de Biatlo

Simon Schempp (IBU/Ernst Wukits)

Nesta semana também aconteceu a quinta etapa da Copa do Mundo de Biatlo. A competição aconteceu em Ruhpolding, na Alemanha. 

As primeiras provas foram por equipes. No revezamento 4x6km feminino, a República Tcheca venceu com 1h23min57seg7 e nenhum tiro desperdiçado. A equipe da Bielorrússia ficou com a prata, pouco mais de um minuto atrás. O bronze foi do time alemão, com 1h25min37seg0. 

Nos 4x7,5km masculino, a vitória ficou com a Noruega ao completar a prova em 1h09min42seg3. A Alemanha novamente subiu no pódio ao ficar em segundo com 1h09min46seg9. A Rússia chegou na terceira posição com 1h09min50seg7. 

Depois, tivemos as provas de sprint, com duas vitórias norueguesas. Nos 7,5km feminino, Fanny Horn venceu com 21min07seg4 e nenhum tiro desperdiçado. Darya Domracheva, campeã olímpica, ficou com a prata, pouco mais de três segundos atrás. Tiril Eckhoff, da Noruega, ficou com o bronze. 

No sprint 10km masculino, a vitória foi de Johaness Boe com 23min59seg2 e nenhum tiro desperdiçado. Simon Schempp, da Alemanha, ficou na segunda posição, 24 segundos atrás. O também alemão Arnd Peiffer ficou em terceiro. 

Por fim, aconteceram as provas de largada coletiva. Nos 12,5km feminino, Darya Domracheva venceu com sobras ao completar o trajeto em 35min17seg5 e três tiros errados. Ela ficou 16 segundos à frente da alemã Franziska Preuss, medalhista de prata. Veronika Vitkova garantiu o bronze. 

Nos 15km masculino, o alemão Simon Schempp finalmente garantiu a vitória para o país-sede em uma disputa impressionante. Os três primeiros colocados completaram o percurso em 35min42seg8! A decisão foi por photo-finish e deu o ouro ao alemão. O francês Quentin Maillet ficou com a prata e o tcheco Michal Slesinger garantiu o bronze. 

A Copa do Mundo de Biatlo embarca para Antholz-Anterselva, na Itália, para a disputa da sexta etapa entre os dias 21 e 25 de janeiro.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.