Metas pessoais

Leila na Letônia (Reprodução)

Nos últimos dias de dezembro, Leila Mostaço competiu em Ripton, nos EUA. Mesmo com lesão no tornozelo, ela chegou perto de ultrapassar a barreira de 400 pontos FIS no esqui cross-country. Quebrar esse número era um desejo antigo da brasileira. Isso mesmo, era. 

Neste sábado, numa competição nacional disputada em Priekuli, na Letônia, ela conseguiu chegar na casa de 300 pontos. Na prova de 5km no estilo clássico a brasileira teve 381.22 pontos FIS ao conseguir a marca de 21min40seg4, ficando pouco mais de cinco minutos à frente da letã Krista Razgale. Ela terminou a disputa na 14ª e última posição daquelas que cruzaram a linha de chegada.

É o melhor resultado de sua carreira, que começou em 2012 e é conciliada com sua vida acadêmica no Canadá. "Apesar de toda a confusão com cera hoje de manhã, consegui o primeiro resultado abaixo do índice de classificação para o Mundial! Agora é só manter (ou melhorar!) por mais quatro provas", escreveu a atleta no Facebook.

No dia seguinte, na prova de 5km em técnica livre, Leila ficou na 18ª posição dentre as 20 que completaram a competição. Ela teve o tempo de 19min59seg6 e 456.06 pontos FIS, a terceira melhor marca pessoal - a lituana Diana Rasimoviciute venceu com 14min20seg5. 

Foi um fim de semana fantástico para a brasileira. Aliás, diga-se de passagem, ela ainda não está totalmente recuperada da lesão no tornozelo - portanto, pode vir mais por aí. Quem sabe na Europa? O giro de Leila pelo Velho Mundo continua entre os dias 14 e 16 de janeiro em Tsaghkadzor, na Armênia. 

Esqui alpino

Enquanto Leila se aventura na Letônia, o brasileiro Guilherme Grahn não teve tanta sorte em Are, na Suécia. No sábado, ele competiu na prova de slalom gigante e não completou a segunda descida, ficando de fora da classificação final. O sueco Max-Gordon Sundquist venceu com 2min00seg33. 

Deve ter acontecido com o jovem brasileiro. Geralmente a razão para não completar uma descida é o fato de ter saído da pista ou ter sofrido alguma contusão. Como ele ficou de fora da lista de largada da prova deste domingo, fico com a segunda opção. Aguardo novidades.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.