Resultados

O Brasil Zero Grau estava devendo os resultados dos brasileiros nas provas master de esqui alpino, organizados pela CBDN e FIS, e do Desafio Sul-americano de Snowboard, da Associação Brasileira da modalidade. Agora não deve mais! Confira todos os detalhes:

Master

Thiago, Mirella e Stefano (Reprodução)

As disputas master começaram no dia 18 de setembro, em Valle Nevado, no Chile. As primeiras provas foram de slalom gigante. No feminino, Mirella Arnhold, a estreante da categoria, foi a sexta colocada no geral com o tempo de 2min32seg17 e 115.35 pontos FIS. Na sua faixa etária ela ficou com a medalha de prata, atrás apenas da norte-americana Sarah Mazzola, com 2min14seg71. 

Entre os homens, Thiago Vasconcelos ficou na 10ª posição geral com o tempo 2min22seg43 e 171.49 pontos, mas foi o campeão na faixa etária. Já Stefano Arnhold ficou na 20ª posição geral, com 2min28seg98 e 167.61 pontos, e foi o sétimo na sua faixa etária. Vale lembrar que pela quantidade de atletas, a disputa masculina é separada em duas provas. 

No dia seguinte, ainda em Valle Nevado, somente os homens competiram no Super G. Thiago não teve tanta sorte e não completou a prova. Já Stefano fez 1min12seg81, 251.29 pontos FIS e foi o 24º na classificação geral, terminando na nona posição em sua categoria. 

Depois, a família Arnhold embarcou para El Colorado, também no Chile, para mais uma etapa master. No dia 20, em outra prova de Super G, Stefano conseguiu melhorar seu desempenho. Ele fez a descida em 1min48seg66 e conseguiu 242.69 pontos FIS, terminando na 19ª posição geral e em sexto na faixa etária. 

No último dia, as provas de slalom fecharam as provas master na América do Sul e a participação da CBDN na temporada austral. Mas a despedida não foi a desejada. Tanto Stefano quanto Mirella não conseguiram completar suas descidas. 

Porém, nem isso diminui a ótima temporada dos atletas de neve do Brasil. Além das medalhas master, outras sete foram conquistadas no biatlo e snowboard, com Isabel Clark como campeã sul-americana geral. Foi também a temporada sul-americana que marcou o surgimento de uma nova geração, com destaque para Wesley Huntington no snowboard e Michel Macedo no esqui alpino! Que venha as provas do hemisfério norte.

Snowboard

Clique da prova em La Hoya (Reprodução/Associação Brasileira de Snowboard)

Na cidade argentina de La Hoya aconteceu a disputa do Desafio Sul-americano de Snowboard, organizado pela Associação Brasileira da modalidade (vinculada ao World Snowboard Tour). A prova aconteceu no sábado, após o mau tempo ter adiado a descida dos riders na sexta-feira. 

A prova foi dominada pelos atletas argentinos, bem mais experientes. O vencedor foi Santiago Gamen, seguido por Matias Schmitt (prata) e Federico Chiaradio (bronze). O melhor brasileiro foi Henrique Zampieri, nono colocado no geral. Logo atrás dele aparece Rodrigo Ortale. Rafael Ramos, na 12ª posição, Gustavo de Andrade e Silva, 14º, e Othon Merçon, 16º, foram os atletas nacionais que fecharam o Top 16 do evento. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.