Aprendizado

Galera reunida no training camp no Chile (Divulgação/IPC)

Você viu aqui que André Cintra esteve presente no traingin camp realizado pelo Comitê Paralímpico Internacional em Termas de Chillán, no Chile, neste último fim de semana. Era a primeira edição do evento voltado para esqui alpino e snowboard adaptado no continente e contou com atletas da Argentina, Chile, Colômbia e Brasil, lógico.

A novidade é que André não estava sozinho no local. Ao lado dele, o também atleta Felipe Strebe, novo nome do país na modalidade, o técnico Ivan Fuenzalida e outros três profissionais da CBDN e CPB. O camp foi conduzido Sylvana Mestre e Jordi Carbonell, responsáveis pelas modalidades na entidade internacional.

"Este evento contribui direta e indiretamente para o Projeto Paralímpico CBDN-CPB. Diretamente, pelo aprendizado que obtemos aqui e pela evolução técnica dos atletas. Indiretamente, com o estreitamento de relações entre os profissionais de diversas áreas. Isso é muito importante, pois um dos pilares aqui é desenvolver o esqui alpino e snowboard na América do Sul e Central, com o objetivo de tornar a região cada vez mais competitiva", confirma Ligia Bahu, gestora das modalidades paralímpicas na confederação brasileira. 

André e Felipe se destacaram e ganharam elogios do Comitê Paralímpico Internacional. Além disso, o camp também foi de aprendizado para os dirigentes, que possuem planos ousados para as próximas edições dos Jogos de Inverno tanto no snowboard quanto no esqui cross-country.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.