Equilíbrio

Prova de Distance, no domingo de manhã (Divulgação/CBDN)

Se na primeira etapa do Circuito Brasileiro os atletas Leandro Ribela e Bruna Moura dominaram as provas de sprint e distance, nesta segunda etapa, disputado no último fim de semana, em São Carlos. Jovens se revezaram com os experientes no topo e mostraram a força que o projeto social Ski na Rua já possui. 
 
Somadas as cinco categorias disputadas, 13 atletas diferentes conquistaram medalha. O destaque ficou para a disputa masculina. Na prova de sprint, no sábado, Victor Santos foi o destaque após ficar com a prata e dar trabalho para o campeão Leandro Ribela - Vitor Melo ficou com o bronze, na frente do experiente Fabrizio Bourguignon. 

Os dois jovens foram os primeiros colocados da categoria sub-21 e Altair Firmino ganhou a disputa do sub-16. Entre as mulheres, Gabriela Neres venceu a batalha solitária com Bruna Moura e ficou a medalha de ouro. Gustavo Santos foi o único paralímpico na disputa, mas conseguiu completar a prova com louvor.

No domingo, na prova de distance, mais surpresas. Leandro Lutz não deu chance para os rivais e venceu, com 27min04 os nove quilômetros da prova. Fabrizio Bourguignon ficou com a prata e Leandro Ribela com o bronze. 

Entre os garotos, Paulo Santos venceu o sub-21, seguido por Caio Moreira e Victor Santos. No sub-16, mais um ouro para Altair Firmino. Da mesma forma que entre as mulheres a jovem Gabriela conquistou o título com dois minutos de vantagem sobre Bruna (a prova feminina foi em 7,5 quilômetros). 

A disputa da segunda etapa do Circuito encerrou mais um período de treinos intensivos da equipe de cross-country e biatlo. Também foi a primeira oportunidade onde os principais atletas do país tiveram contatos com os novos membros da comissão técnica multidisciplinar: Anna Maria Nilsson (olímpico) e Fredrik Uusitalo (paralímpico).

"Tudo correu muito bem nesta semana, com treinos produtivos e ótimas provas. É importante ter esse grupo variado, com atletas mais experientes e jovens dividindo os treinamentos e competindo juntos", comenta Anna Maria Nilsson.

Ainda neste ano a CBDN pretende realizar a terceira etapa do Circuito Brasileiro de Rollerski, mesmo sem data definida. Não é fácil, pois daqui para frente os principais atletas estarão ocupados com provas e treinos na temporada sul-americana.

Aqui você confere a classificação final da prova de sprint! E aqui a classificação oficial do distance!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.