Alta!

Lais recebeu visita de Mara Gabrilli (Divulgação)
Foram quase cinco meses de polêmicas, algumas críticas, orações e força de vontade, a atleta brasileira Lais Souza recebeu alta médica nesta segunda-feira, dia 16. Ela seguirá nos EUA, onde dará prosseguimento à lenta recuperação que se submeterá nos próximos anos. 

Este é, talvez, o passo mais importante para a atleta desde que sofreu o acidente em 27 de janeiro. Após correr sério risco de morte e até mesmo ficar tetraplégica, Lais dá sinais diariamente de que pode, e deve, levar uma vida tranquila. A alta nessa altura dos acontecimentos (e num dia feliz, quando Schumacher também saiu do coma) mostra que não falta força de vontade para a jovem. 

Poder ficar em casa e receber amigos e familiares, fugir do ambiente hospitalar (cercada de medicamentos) e ainda por cima ter liberdade para ir onde e quando quiser são situações que podem parecer simples para a gente, mas representam um grande avanço para Lais. 

É claro que a recuperação médica segue e até por conta disso ela seguirá morando em Miami com as contas pagas pelo COB (que não deu margem para a polêmica dessa vez). Entre os procedimentos, está o tratamento com células-tronco e a possibilidade dela voltar a andar - porque mexer o braço já é uma meta superada!

"A Lais já passou por momentos extremamente difíceis, venceu o risco de morrer, então tem muito o que comemorar. Ela está feliz por sair do hospital e tem a chance de recomeçar a vida. Para mim, é uma alegria muito grande vê-la bem, forte e focada para continuar na luta, seguindo o tratamento para que possa evoluir até onde for possível. Ainda há um longo caminho a ser percorrido", afirma o médico Antônio Marttos Júnior no site do COB. 

Ainda não é possível prever quando ela poderá voltar para o Brasil e à casa da família, em Ribeirão Preto. Mas sair do hospital Jackson Memorial encurta mais esse caminho. 

"Foi um alívio sair do hospital, pois eu já estava lá há muito tempo. Vir para casa significa muito como, por exemplo, poder comer a comida feita pela minha mãe, receber meus amigos, poder passear e sentir o sol. Agradeço todo o apoio que tenho recebido e as orações, que têm sido de grande importância para mim", concluiu Lais. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.