Curtinhas

  • Chiara Marano - na semana passada a atleta brasileira voltou a competir após muito tempo em provas de velocidade no esqui alpino (Super G). O tempo não afetou a prática: a jovem conseguiu sua melhor marca pessoal e ficou mais motivada para os próximos anos.  "Estou começando a gostar", confessou a atleta em sua página no Facebook. Vale lembrar que as provas de velocidade (incluído aí o Downhill) são as mais difíceis do esqui alpino. 
Um selfie da Chiara (Reprodução)
  • Isabel Clark - já descansando após o fim da temporada, a snowboarder colocou uma foto bem legal na sua página no Facebook. Os primeiros dias da futura atleta olímpica e internacional no snowboard. A história da Isabel é um exemplo de perseverança e um alento a praticantes de esportes de inverno em países tropicais. Ao contrário da maioria dos competidores, a brasileira viu neve pela primeira vez na vida aos 18 anos, nessa visita ao irmão. Alguns anos depois virou competidora e mesmo assim possui os melhores resultados do país. Tanto que, mesmo próxima dos 40 anos, ainda tem muito a oferecer, aprender e ensinar nas competições!
Isabel e a neve: início do casamento (Reprodução)
  • Isadora Williams - a atleta está em férias do mundo competitivo da patinação artística até para colocar o estudo em dia (lembremos que ela acabou de completar 18 anos). Mesmo assim, a popularidade dela não para de aumentar. Há uma espécie de votação rolando na Internet e que vai premiar as três patinadoras mais votadas. Adivinha quem está na segunda posição? Isso mesmo, a brasileira. Atrás apenas da coreana Yuna Kim e das russas Julia Lipnitskaia e Adelina Sotnikova, a última campeã olímpica! O legal é que a premiação é em dinheiro - e sabemos bem como a Isadora sofreu nos últimos anos com a falta de recursos (para ajudar clique aqui). Carismática, talentosa, bonita e simpática. Isadora Williams é o marketing certeiro! 
Isadora sempre agradece o carinho dos fãs (Reprodução)
  • Mundial de Patinação - por falar em patinação, saiu o primeiro pódio do Mundial que está rolando em Saitama, no Japão. Os alemães Aliona Savchenko e Robin Szolkowy ficaram com o ouro após vencerem o programa longo dos pares na quinta-feira. Eles conseguiram 224.88 pontos no total. A medalha de prata foi para os russos Ksenia Stolbova e Fedor Klimov, com 215.92. O bronze ficou para os canadenses Meagam Duhamel e Eric Radford. Ainda nesta quinta-feira tivemos a estreia do individual feminino com o programa curto. A disputa promete ser boa: a japonesa Mao Asada lidera com 78.66 pontos, mas é seguida de perto pela italiana Carolina Kostner, com 77.24 e a fantástica russa Julia Lipnitskaia, com 74.54 pontos. Nesta sexta-feira teremos a definição das medalhas no individual masculino e a estreia da dança no gelo. 
O pódio dos pares no Mundial (Reprodução)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.