Nada como um dia após o outro

Isabel Clark no Brasileiro de Snowboard (Divulgação/CBDN)

Na primeira etapa da Copa do Mundo de snowboardcross, a brasileira Isabel Clark não foi tão bem e ficou na 26ª posição. Mas na segunda etapa, realizada neste fim de semana em Lake Louise (Canadá), ela conseguiu dar a volta por cima. 

Terminou na nona posição da competição, ficando muito perto das semifinais. De quebra, marcou 290 pontos no ranking e, dessa forma, não só recupera os pontos perdidos na primeira etapa como também praticamente sacramenta a classificação olímpica. Com um mês para o fim da classificação olímpica, só um desastre a tira de sua terceira participação olímpica. 

As boas notícias começaram na sexta-feira, ainda na fase de classificação. Isabel fez a quarta melhor marca na primeira volta com 1min12seg42. "Dia meio doido com altos e baixos na pista, mas afinal fiz uma boa primeira descida de quali e classifiquei 4ª para as finais", escreveu a atleta no Facebook. 

Mesmo assim caiu numa bateria fortíssima, com a canadense Maelle Ricker, a francesa Nelly Moenne Loccoz e a suíça Simona Meiler. A brasileira foi a terceira da bateria, mas apenas as duas primeiras (Nelly e Maelle) foram para a semifinal.

Mas graças ao tempo conquistado na classificação, Isabel terminou na nona posição, uma de suas melhores marcas em Copas do Mundo. A americana Lindsey Jacobellis ficou com o título da etapa canadense. 

A prova marca a despedida de Isabel Clark neste ano. Restam apenas duas etapas de Copas do Mundo de snowboardcross antes dos Jogos Olímpicos de Inverno. A próxima será entre os dias 10 e 12 de janeiro no Principado de Andorra. 

Atualizando: Isabel Clark comemorou muito a posição na sua página no Facebook. "Fiquei em 9˚lugar na WCup Lake Louise! Depois do obter a 4ª posição nas qualis, nas quartas de finais terminei 3ª na bateria, com foto-finish na chegada", escreveu a atleta. 

Nas finais de Aerials

É incrível como vivemos num período intenso de troca de informações. O resultado oficial não foi postado na página da FIS, mas o Facebook de Josi Santos traz a informação quentinha: ela e Lais Souza classificaram para as finais de Aerials da Copa Norte-Americana da modalidade em Utah, nos EUA. 

Não tenho notas e detalhes oficiais. Sei apenas que este sábado foi a primeira apresentação das duas e servia de classificação para a final, que acontecerá neste domingo. Mas já estar na final de torneio internacional com seis meses de treino mostra a evolução das duas no esqui aerials. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.