Pelo mundo

Equipe brasileira de esqui alpino (Reprodução/Facebook)

A equipe brasileira de esqui alpino esteve em várias partes da Europa nesta sexta-feira. Os jovens seguem em competição nesta reta final da temporada do hemisfério norte.

Dois deles já competiram. Chiara Marano continua em Villard de Lans, na França, numa prova citizen de slalom gigante e teve um desempenho semelhante ao primeiro dia, na quinta-feira. 

A brasileira foi a 17ª, com o tempo combinado de 2min31seg20 e 130.19 pontos FIS. Ela ficou pouco mais de doze segundos atrás da vencedora, novamente a tcheca Ester Ledecka. Chiara competirá até domingo na montanha francesa em duas provas de slalom especial.

Já Jhonatan Longhi foi até Krvavec, na Eslovênia, e disputou duas provas de slalom super gigante. Ele manteve a boa fase das últimas provas e conseguiu seus melhores resultados na disciplina, que não é uma de suas favoritas. 

Na primeira prova de Super G ele foi o 48º com o tempo de 57seg31 e 114.35 pontos FIS. O vencedor foi o esloveno Rok Perko, com 52seg07. Na segunda prova ele melhorou ainda mais. O brasileiro foi o 43º com 59seg14 e 102.75 pontos FIS. Por muito pouco ele não quebra a barreira dos cem pontos. O esloveno Andrej Sporn venceu com 54seg42. 

Jhonatan voltará às pistas de neve neste sábado, em prova de slalom especial em Rogla, também na Eslovênia. Fábio Guglielimini também disputará uma prova de slalom gigante em Passo Role, na Itália. 

Promessas

Duas promessas brasileiras também competiram nesta sexta-feira. Michel Macedo esteve presente em prova de super gigante no Campeonato Regional da Costa oeste norte-americana. Esmeralda Alborghetti competiu no slalom especial no Pinocchio, na Itália. Ambos competem na categoria sub-16.

Michel manteve a boa forma e conseguiu um importante resultado nos Estados Unidos. Foi o 12º na classificação geral, com o tempo de 1min21seg90 e o sexto na sua sub-região. Ele ficou quatro segundos atrás do norte-americano Luke Winters, o vencedor. 

Michel encerra assim a sua passagem por Alyeska, no Alaska, sempre entre os Top 20 do torneio. Vale lembrar que este é o primeiro ano do jovem brasileiro na categoria até 16 anos. 

Quanto à Esmeralda, eu tentei buscar informações da prova dela no Pinocchio, mas não consegui encontrar nada. Tampouco CBDN e Bendita Ideia divulgaram a classificação da jovem brasileira nesse primeiro dia. Em todo o caso, neste sábado ela volta a competir no torneio, dessa vez no slalom gigante.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.