Passou

Marcos Batista (Reprodução/Facebook)

Rapaz, são tantas provas e tantos assuntos nesta reta final de temporada no hemisfério norte que estou deixando passar alguns resultados. Mas como sempre digo, este blog tarda, mas não falha. Com três dias de atraso, trago o desempenho de Marcos Batista na Copa do Mundo de Snowboard em Sierra Nevada, na Espanha. 

Ele competiu na última segunda-feira nas eliminatórias da categoria slopestyle, onde tenta uma vaga inédita para o Brasil nos Jogos Olímpicos de Sochi. Na sua despedida da temporada, não decepcionou e somou importantes pontos na caminhada olímpica. 

Na classificação final o brasileiro terminou na 51ª posição, com a nota de 46 pontos, e conquistou 15.20 pontos para o ranking. Foi seu melhor desempenho nas três etapas da Copa do Mundo de Snowboard slopestyle e só ficou atrás do desempenho no Mundial em toda a temporada. 

Marcos esteve presente na quarta bateria, onde apenas os seis melhores passavam à final, algo que, convenhamos, era muito difícil realmente. Após cometer erros na sua primeira apresentação, o brasileiro fez uma segunda descida mais arrojada e conquistou a nota já citada. 

Foi incapaz de levá-lo à final - a última vaga ficou com o irlândes Seamus O'Connor, que conseguiu 68.66 pontos. A melhor nota das eliminatórias foi do norueguês Emil Ulsletten, que fez 93 pontos. Mas na final, disputada na terça, foi o japonês Yuuki Kadono que levou a melhor, marcando 94 pontos, levando a medalha de ouro e mil pontos no ranking. 

Na classificação geral da Copa do Mundo, levando em conta as três etapas disputadas, o vencedor foi novamente o japonês, turbinado pela vitória na última etapa.

Marcos Vinicius Batista ficou na 88ª posição e terá que melhorar muito seu desempenho para brigar por uma das vagas nos Jogos Olímpicos. A chance para isso será entre julho e agosto, com provas na temporada do hemisfério sul e que não contará com a maioria dos favoritos na modalidade. Parabéns e boa sorte ao brasileiro!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.