A vez dos radicais

Com os esportes mais "formais" em fim de temporada, como o esqui alpino e o cross-country, o pessoal das modalidades radicais tomou conta dos últimos dias em competições aqui no Blog Brasil Zero Grau. O destaque, claro, fica para o snowboard. 

Já curtiu a página do Blog Brasil Zero Grau no Facebook? 

Isso porque a brasileira Isabel Clark estará presente nesta quarta-feira nas eliminatórias da última etapa da Copa do Mundo de snowboard, na modalidade snowboardcross, em Sierra Nevada, na Espanha. Sua prova deve começar por volta das 9h45 no horário de Brasília. 

Isabel Clark (Divulgação/Ivan Fuenzalida)
As regras são as mesmas: cada atleta fará duas descidas na pista espanhola e as 24 mais rápidas garantem vaga para a final, que acontecerá já na quinta-feira. Lá, serão quatro baterias com seis atletas, sendo que apenas as três melhores avançam de fase até a final. 

Mesmo em fim de temporada, Isabel está num momento muito bom. Seu melhor resultado foi justamente na semana passada na Suíça, quando ela terminou na 11ª posição, mas por muito pouco não conseguiu ficar entre as seis melhores. A brasileira é uma das favoritas para uma das 24 vagas nos Jogos Olímpicos de Sochi, no ano que vem. 

Mas a neve espanhola não verá apenas o talento brasileiro da Isabel Clark. Na sexta-feira Lucas Vianna competirá no esqui livre na categoria slopestyle, também pela última etapa da Copa do Mundo da modalidade. 

A situação dele é mais difícil. Apenas os dois melhores de cada bateria avançam direto para a final. Outros cinco disputarão repescagem com atletas de outras baterias. Ele terá duas apresentações para ser arrojado e conseguir boas notas na sua apresentação. Ele busca uma inédita vaga olímpica. 

Mesma situação se encontra Marcos Batista, que disputa o slopestyle, mas no snowboard. Ele disputará as eliminatórias na segunda-feira, com finais na terça. As regras são idênticas. Marcos terá apenas duas apresentações para conseguir boas notas e tentar uma das vagas na final. Ele também busca somar pontos para seguir na briga por uma vaga olímpica. 

Nos Estados Unidos

Enquanto isso, dois brasileiros competiram nesta segunda-feira lá numa prova regional lá nos Estados Unidos. Lucas Rezende e Rafael Renno estiveram presentes na etapa de Sun Valley do circuito Revolution Tour de Snowboard norte-americano. 

Os dois brasileiros surpreenderam em terras americanas na categoria snowboardcross, principalmente Rafael, que fez sua estreia em provas oficiais como atleta CBDN. Ele conseguiu chegar até as quartas de final e terminou na 16ª posição, com o tempo de 50seg42. Ele conseguiu 24 pontos FIS. 

Já Lucas parou nas oitavas de final. Ele teve o tempo de 52seg10 e não conseguiu avançar na sua bateria, terminando na 32ª posição geral, não somando pontos, infelizmente. O norte-americano Michael Perle foi o vencedor da prova. 

Os dois voltam a competir neste fim de semana na etapa de Mt.Hood Meadows da Copa Norte-Americana. Na sexta-feira, também em Sun Valley, Allana Leite faz sua estreia em provas FIS no circuito internacional. Parabéns aos dois brasileiros pelos resultados. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.