Brasil nos Alpes

Alguns esportes já entram no ritmo de descanso natalino, mas outros seguem com várias atividades. O esqui alpino é um deles e contou até mesmo com a presença brasileira. Os jovens esquiadores Fabio Guglielmini e Jhonatan Longhi encerraram a disputa em Speikboden - Sand in Taufers, na Itália, numa corrida FIS.

Aqui presentes, os jovens esquiadores brasileiros (Reprodução/CBDN)

O blog já havia mostrado a primeira prova dos dois no slalom gigante no último domingo. E eles, sobretudo Jhonatan, conseguiram manter o bom desempenho conquistado neste primeiro dia.

Jhonatan conseguiu completar todas as provas abaixo dos 100 pontos FIS, o que o coloca definitivamente no posto de melhor esquiador brasileiro nos últimos anos. Na segunda disputa do slalom gigante, por exemplo, ele foi o 39º, com o tempo acumulado de 2min27seg18 e pontuação de 79.10 - Daniel Yule, da Suiça, foi o vencedor da prova. 

Depois, nas duas provas do slalom, ele conseguiu melhorar seu desempenho. Na terça-feira terminou na 25ª posição, com 1min21seg99 e 72.89 pontos no ranking FIS (o melhor desempenho brasileiro nesta temporada). Ele ficou perto do austríaco Manuel Karelly, o vencedor da prova com 1min15seg97. Depois, na quarta, Jhonatan foi o 32º com 1min22seg97 e 74.48 pontos - Ondrej Berndt venceu a prova. 

Já Fábio Guglielmini não teve tanta sorte. Na última prova do slalom gigante ele sequer completou a primeira corrida e não somou tempo na prova. Depois, na terça, não conseguiu completar a segunda corrida do Slalom e também ficou de fora da classificação final. 

Mas no último dia de disputa Fábio conseguiu se recuperar. Ele terminou na 40º posição, com 1min25seg65 e com uma pontuação de 96.35 pontos, abaixo da marca histórica de 100 pontos (no ranking de esqui alpino quantos menos pontos, melhor). 

Os dois, ao lado das mulheres Maya Harrisson e Chiara Marano, já estão classificados para a disputa do Mundial da categoria, em fevereiro, na Áustria. Jhonatan volta a competir ainda hoje. Ele estreia numa disputa de esqui em Kranjska Gora, na Eslovênia.

Boa sorte aos brasileiros!

PS: O post é de esqui alpino, mas tenho uma dica legal para quem gosta de Cross Country. O atleta Aldo Ramos colocou no blog dele um relato super legal sobre a participação na prova da modalidade no último fim de semana. Para conferir, basta clicar aqui.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.