A pequena notável

Não sei se a patinadora Isadora Marie Williams tem esse apelido. Não sei nem se ela é alta ou baixa. Mas nesta sexta-feira ela nos deu mais uma prova de que pelo menos é notável. A brasileira de 16 anos surpreendeu no primeiro dia de disputa do Golden Spin de Zagreb, na Croácia. 

Ela foi a responsável por alavancar os resultados brasileiros nesta semana. Isabel Clark também conquistou um bom resultado na Copa do Mundo de Snowboard. Jaqueline Mourão também foi bem no Biatlo. Os jovens esquiadores também competiram. Mas nada que chegue próximo ao feito de Isadora....

Isadora Williams (Reprodução/Facebook)
A brasileira terminou o programa curto da patinação artística no gelo na quarta posição, num total de 20 competidoras. Ela fez 47.84 e está empatada com a russa Polina Shelepen, duas vezes medalhista de prata no Mundial Júnior, na terceira posição. A líder é nada menos do que a campeã mundial Carolina Kostner, da Itália, com 64.99.

Como se vê, Isadora não competiu com quaisquer atletas. É claro que ainda é cedo para comemorar, pois ainda falta o segundo dia com o programa livre, mas não deixa de ser excelente o resultado alcançado por ela na metade da disputa. Foram 26.70 pontos no elemento técnico (ela precisa de 28 para se classificar ao Mundial) e mais  21.14 nos componentes do programa. 

Outro bom resultado foi alcançado por Isabel Clark na Copa do Mundo de Snowboardcross em Telluride, nos EUA. Tudo bem que ficou aquele gostinho de quero mais. A brasileira passou às finais com o sexto tempo e tinha chance de terminar entre as oito, mas ela escorregou nos metros finais da sua bateria e terminou em 13ª. 

Mesmo assim, somou mais 200 pontos FIS, ideal para ficar entre as 24 melhores que garantem a vaga para os Jogos Olímpicos de Inverno em Sochi, 2014. A vencedora da etapa foi mais uma vez a canadense Dominique Maltais. 

No biatlo, Jaqueline Mourão competiu na terceira etapa da Copa do Mundo da modalidade em Pokljuka, Eslovênia. A brasileira esteve presente na prova do Sprint 7,5 quilômetros. O desempenho melhorou em relação a última prova, mas ficou acima do alcançado por ela na estreia da temporada no hemisfério norte. 

Jaqueline completou o percurso em 27min01seg5, terminando na 93ª posição. Ela errou três tiros e ficou 20,96% acima da média das três primeiras colocadas (o índice para o Mundial no Biatlo é ficar até 20% da média do pódio). A vencedora foi a tcheca Gabriela Soukalova, que fez o circuito perfeito, sem errar tiros, no tempo de 22min09seg8. Ela e Mirlene Picin disputam neste fim de semana provas da Copa IBU de Biatlo, na Itália.

Já no Cross Country o desempenho não foi tão bem assim. Três brasileiros estiveram presentes na disputa do Sprint 1,4 quilômetro em St. Ulrich, na Áustria. Leandro Ribela, Fabrizio Bourguignon e Aldo Ramos tinham como metas fugirem das últimas colocações. Não conseguiram. 

Leandro sequer completou a prova e não somou pontos para o ranking. Já Fabrizio e Aldo terminaram respectivamente nas 94º e 95º posições,as últimas da disputa. Fabrizio teve um desempenho melhor e fez o percurso em 5min08seg63. Já Aldo completou em 6min42seg32.

O vencedor da prova foi o alemão Franz Goering, que completou o percurso em 3min46seg67. Os três brasileiros voltam ao trajeto neste sábado para a disputa dos 10 quilômetros de velocidade, também na Áustria. 

Por fim, os jovens brasileiros também participaram do esqui alpino neste início da semana. Apesar de uma excelente prova de Fabio Guglielmini numa disputa júnior da Itália, o desempenho não foi tão bem assim. 

Fabio Guglielmini (Reprodução/Site Oficial)
Até porque esta foi a única prova completada por algum atleta brasileiro na modalidade nesta última semana. Jhonathan Longhi competiu em duas corridas de Slalom Gigante em S. Caterina Valfurva, na Itália. Em ambas ele não conseguiu completar a segunda descida e não somou tempo para o ranking - o italiano Tommaso Sala foi o vencedor nas duas corridas. 

Já em Passo Monte Croce, também na Itália, apenas o jovem Fabio Guglielmini teve algum motivo para sorrir. Ele e Chiara Marano estiveram presentes na disputa júnior. A brasileira não deu sorte e sequer completou as duas corridas. Numa delas, caiu na segunda descida. Na outra, foi na primeira. Sasa Trsinki, da Croácia, e Klara Livk, da Eslovênia, foram as vencedoras.

Já Fábio também não completou a primeira corrida, mas na segunda surpreendeu e terminou na 29ª posição, num total de 52 atletas que conseguiram completar as duas descidas. Ele teve o tempo acumulado de 1min38seg38 e ficou abaixo dos 100 pontos no ranking da FIS, com 88.83 (lembrando que no esqui alpino quanto menos pontos você tiver no ranking, melhor). O vencedor desta prova foi Andrea Apierto, da Itália.

Neste sábado, além da definição da disputa feminina no Golden Spin de Zagreb na patinação artística, o Brasil ainda competirá no Cross Country e Biatlo. Boa sorte aos brasileiros.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.